Embora o uso de raios ultravioletas do tipo C para descontaminar ambientes não seja algo novo, esse é um processo que acaba gerando muitas dúvidas. Afinal de contas, a medicina e a ciência já comprovaram que a exposição a esse tipo de radiação é nociva para a saúde humana. Assim, é normal ter receio em adotar esse tipo de tecnologia.

Mas a boa notícia é que, como você verá a seguir, a esterilização de superfícies e ambientes com raios UV-C é um processo seguro, que não compromete o bem-estar das pessoas. Pelo contrário, ele ajuda a manter locais livres de microrganismos que podem ser nocivos a saúde, inclusive o vírus do COVID-19. Por isso, veja mais detalhes neste guia que a Meister Safe preparou.

Como funciona a desinfecção de ambiente com radiação ultravioleta?

Sabemos que os raios ultravioleta podem ser divididos em A, B e C, conforme o comprimento de onda de cada um deles. Neste sentido, a radiação UV-C é a mais potente graças ao seu nível de alcance. Por isso, podemos afirmar que ela tem uma ação germicida.

O que acontece é que, seu uso para esterilizar superfícies e ambientes é capaz de agir na camada protetora que envolve o DNA e RNA de vírus e bactérias. O resultado dessa ação traz grandes vantagens para seus usuários, que envolvem por exemplo:

  • Um nível de proteção completo, sobretudo em ambientes que concentram maior número de vírus e bactérias;
  • Uso de tecnologia de ponta para garantir uma ação efetiva de esterilização de ambiente, sem afetar a saúde das pessoas que circulam por lá;
  • Possibilidade de personalizar projetos de desinfecção com raios UV-C, levando em conta fatores como o tamanho do local, seus riscos de exposição a microrganismos nocivos a saúde e a quantidade de pessoas que circulam por ele.

Levando em conta esses fatores, existem alguns ambientes que são amplamente beneficiados com o uso desse recurso. A esterilização com radiação UV-C é especialmente indicada para:

  • Consultórios médicos e odontológicos;
  • Bares e restaurantes em geral;
  • Salas de aula e ambientes escolares;
  • Hotéis, pousadas e locais de hospedagem;
  • Negócios e indústrias de forma geral.

Ok, mas como garantir que a esterilização com raios UV-C não prejudica a sua saúde?

Para responder essa pergunta, é interessante trazer um pouco da história dos raios ultravioleta. A sua radiação foi descoberta em 1801 pelo físico alemão Johannn Wilhelm Ritter, sendo ele o primeiro a perceber seu potencial destrutivo. Mas foi décadas mais tarde, em 1878 que os cientistas Arthur Downes e Thomas Blunt a estudaram mais a fundo.

Como resultado de suas análises, a dupla descobriu que os raios UV-C eram capazes de agir nas células de bactérias, destruindo-as. A partir de então o uso da radiação ultravioleta passou a ser adotado em questões de saúde e esterilização com sucesso. Ou seja, já são mais de cem anos que esse recurso é empregado com sucesso nas áreas de saúde e higienização.

É claro que, para que seja possível aplicar esse recurso sem afetar a saúde das pessoas, é preciso seguir uma série de recomendações específicas. Dessa forma, para esterilizar o ambiente com radiação ultravioleta é preciso:

  • Contar com aparelhos e lâmpadas cujo uso siga as normas de proteção para as pessoas que circularão pelos ambientes onde o processo será instalado;
  • No caso de utilizar métodos de desinfecção direta, onde as luzes UV-C irão incidir de forma direta sobre o local contaminado, pessoas e animais não devem ficar presentes;
  • Já a esterilização indireta precisa contar com luzes de tratamento de ar que propiciem condições seguras para a circulação de pessoas e animais.

Vários estudos já comprovaram que, o uso indireto da luz UV-C em um ambiente onde circule um grande número de pessoas, não traz riscos a saúde. Um dos motivos para isso é que ela não consegue penetrar na superfície da pele nem em canais lacrimais. Mas lembre-se de que não se deve fixar o olhar diretamente para ela por um longo período de tempo para evitar problemas como irritações oculares.

Considerações importantes sobre o assunto

O uso da radiação ultravioleta para esterilizar superfícies e ambientes passou a ser amplamente adotado, sobretudo com a atual pandemia de coronavírus. Dessa forma, há várias empresas e produtos no mercado focados em oferecer esse tipo de solução. O problema está em saber se são realmente confiáveis e se seguem todas as normas de regulamentação.

Assim sendo, na hora de contar com esse tipo de serviço você precisa ter a garantia do melhor em termos de saúde e segurança. Assim sendo, cabem algumas considerações importantes sobre o UV-C para desinfecção de ambientes:

  • Em primeiro lugar, é preciso ter ciência de que, no atual momento, esse serviço está no caminho da regularização. Assim sendo, conte com uma empresa capaz de esclarecer todas as dúvidas que você tiver sobre esse processo;
  • Em locais que fazem uso do ar-condicionado, os cuidados de esterilização do ambiente devem ser redobrados. Isso porque o aparelho é capaz de concentrar microrganismos nocivos para a saúde humana, e por isso requerem uma atenção especial;
  • Além disso, você também precisa saber que o uso do UV-C não irá substituir o uso de produtos químicos de limpeza na desinfecção do ambiente. Seu papel é o de trazer um complemento na esterilização de microrganismos nocivos para a saúde;
  • Da mesma forma, em locais fechados com grande circulação de pessoa, sua radiação é eficaz para combater vírus até certo ponto. Assim, medidas de proteção para evitar o contágio do COVID-19 como máscara e uso de álcool em gel continuam imprescindíveis.

Com relação ao último item, casos de esterilização direta no ambiente podem garantir um nível de proteção maior. Dessa forma, o uso de máscaras pode ser dispensado nesses locais, mas é muito importante manter-se protegido contra o coronavírus.

Seguindo essas orientações, também é importante saber qual o tipo de microrganismo pode ser eliminado com a radiação UV-C. Para além de vírus e bactérias transmissores de doenças, esse processo também é capaz de livrar o ambiente de:

  • Fungos;
  • Ácaros;
  • Esporos.

Graças a esse nível de abrangência, é possível considerar o uso da radiação ultravioleta como um dos métodos mais eficazes para manter os ambientes devidamente higienizados.

Perspectivas de acordo com a realidade atual

A pandemia de coronavírus transformou totalmente a realidade das pessoas em todo o mundo. E se antes dela o uso da radiação ultravioleta para desinfecção de ambiente se popularizava cada vez mais em todo o mundo, agora esse é um processo indispensável em vários locais.

Neste sentido, os raios UV-C como forma de esterilizar ambientes tornam-se uma medida de proteção coletiva, que devem estar em conjunto com demais cuidados para evitar a doença. Além disso, também é importante entender como funciona passo a passo a instalação da luz ultravioleta, a partir de produtos e serviços específicos:

  • Esse processo inicia com uma análise completa do ambiente onde a radiação UV-C será utilizada. Para isso, uma equipe de profissionais qualificados identifica as necessidades do local em questão;
  • Em seguida, estipula-se o processo de esterilização direta ou indireta do ambiente. No primeiro caso, lâmpadas específicas de radiação são colocadas sob superfícies ou em meio a locais específicos, sem a presença de pessoas ou animais;
  • No segundo caso, o sistema dispõe de uma potência menor, direcionada para irradiar a luz UV-C no ambiente sem comprometer a saúde dos presentes;
  • Antes de instituir o uso do sistema, realiza-se o processo de testagem. Este tem como principal função garantir a eficiência de uso, além de assegurar a sua segurança.

Somados a esses aspectos, estão ainda as questões de manutenção e troca de equipamentos. De forma geral, uma lâmpada UV-C dura cerca de 8 mil horas e é controlada pelo processo de Internet das Coisas (IOT). Tudo isso é muito importante, uma vez que no mundo pós-pandemia nossa realidade não será mais a mesma. E assim, é vital contar com soluções para nossa saúde.

Assim sendo, conte com o trabalho da Meister Safe em prol de ambientes livres de bactérias, vírus e doenças em geral. Garantimos o melhor em termos de produtos, serviços, manutenção e custo-benefício. Tudo para manter os locais que necessitam livre de microrganismos nocivos e seguros de verdade para todas as pessoas.

A qualidade comprovada que a Meister Safe traz para você

Este guia tem como objetivo esclarecer os principais pontos que envolvem a esterilização de superfícies e ambientes com o uso de luz UV-C. Além disso, também queremos mostrar a você porque contar com a Meister Safe é a melhor solução para adoção e uso desse processo:

  • Trabalhamos com o selo de ambiente seguro, que garante o uso das soluções mais modernas e eficazes de desinfecção de ambientes sem prejudicar a saúde das pessoas;
  • Dispomos de todas as ferramentas e tecnologias atuais que asseguram a eficiência de nossos aparelhos para esterilização direta e indireta;
  • Contamos com a expertise de profissionais qualificados para instalar e testar nossos serviços, além de proporcionar treinamentos específicos para uso de nossos sistemas;
  • Nosso foco está na excelência de desinfecção do ambiente, diminuindo de maneira significativa o risco de contágio de doenças propagadas pelo ar ou pelo contato com superfícies contaminadas.

O uso do UV-C está empregado como medida de esterilização está empregado em setores estratégicos de diferentes formas. Indústrias farmacêuticas e de alimentos, bem como qualquer outro ambiente que necessite de higienização e preservação de forma constante, tem no processo de radiação ultravioleta um poderoso e eficiente aliado.

Deixe seu comentário